Golpe da “retrospectiva” no Whatsapp afetou milhares de usuários

A mensagem do WhatsApp foi vista 339 mil em apenas 16 horas.

O texto prometia aos usuários relembrar “fotos antigas e conversas”.

Somente em 16 horas de circulação no Whatsapp, o link com a mensagem foi detectado 339 mil vezes pelo antivírus Psafe.

A fabricante do antivírus, por meio de seu laboratório de cibersegurança, alerta os usuários sobre o link malicioso divulgado no aplicativo que promete uma falsa retrospectiva de 2018.

Mensagem do WhatsApp

Segundo a empresa, os criminosos tem como objetivo lucrar com a exibição de peças publicitárias nos sites falsos.

São esses sites que representam o perigo, pois neles alguns dados pessoais podem ser copiados.

Como funciona

Após o usuário clicar no link enviado no WhatsApp ele é redirecionado para uma página falsa que pede para que os usuários cliquem em um botão para gerar a tal retrospectiva de 2018.

Quando ela fica pronta, é preciso compartilhar com os amigos.

Além disso, as pessoas são direcionados para uma página que exibe comentários falsos com a aparência do Facebook, o que dá credibilidade ao golpe.

Como resultado, o compartilhamento desses links, geram receita aos criminosos, como por exemplo, gerando milhares de visualizações em suas páginas.

Entretanto, os especialistas alertam que, quando há alguma mensagem que exija compartilhamento, há grandes chances de o conteúdo ser falso.

Portanto a recomendação é que os usuários fiquem atentos aos links enviados no aplicativo do WhatsApp.

Então não cliquem e nem compartilhem mensagens quando não tiverem certeza do que se trata.

Concluindo: Este tipo de golpe está cada vez mais comum nas redes sociais, além das fakes news também que por consequência, ajudar a espalhar boatos.

Veja neste link a matéria sobre Fake News e previna-se deste mau.

Fonte: Site Varginha Digital |   Link da Matéria

Voltar para o Início

Deixe seu comentário ou sugira um tema que você quer ver aqui no InfoPapo